Na estante dele

Uau! Amei!

A estante de livros de Zeca Camargo.

Quando for grande, quero ter uma dessas!

Tirei daqui!

Think about XVIII

Caio Fernando Abreu

Think about XVII

Para fazer, basta começar…

Adorei este texto, que recebi através do grupo GTDBr. Dá muita margem a pensar…

A procrastinação é primeira lombadinha que temos que superar para fazer algo. 

Aqui está um truque para acabar com a procrastinação. Se existe algo que você não queira fazer, se prometa iniciar a tarefa e trabalhar nela durante 15 minutos e então você pode parar, desistir dela. Na maior parte do tempo, depois que você começar, você verá que o que realmente estava te prendendo era apenas começar a tarefa.  Esta é uma ótima maneira de lidar com exercícios. Se você tem horror de ir à academia, vá por 15 minutos.  Depois de 15minutos, se você ainda não quiser se exercitar, você pode ir embora.   Se você nãogostou desse dia, sem problemas, você fez o esforço e você vai ficar mais tempo algumdia, quando você gostar mais dele.

Podemos aplicar a primeira lei do movimento de Newton para combater a procrastinação. É mais fácil manter algo em movimento, se ele já estiver em movimento. Depois que começarmos alguma coisa, é mais fácil mantê-la, mas dar partida é a parte mais difícil.

Think about XVI

MedO!

Se eu tivesse uma filha e ela me pedisse, eu não dava!

Não, não dava mesmo! Porque até o próprio Fiuk é melhorzinho do que isso… Mas vale o registro!

Think about XV

Think about XIV

Think about XIII

Eu sou normal

Sim, simples assim… Foi o que o médico me disse na segunda a noite. Ele mexeu no mouse, olhou pra mim, sorriu e falou:

– Agora, tu já é uma pessoa normal. Com esse peso, teu IMC baixou de 25.

Foi um momento sublime. Nem ele sabe o quanto me deixou feliz quando disse isso… Não o normal pelo estético – que é claro que conta! – mas pelo que mudou no geral.

Segundo a minha avó, agora eu corro, o que antes eu não fazia… Não é bem assim, eu só caminho mais ligeiro! hehehe!

Segundo minhas percepções, meus joelhos e a base da coluna não doem mais, meus calos nas solas dos pés desapareceram…

Em clima de boa ação, doei muuuuitas roupas que ficaram enormes, ganhei outras tantas de amigas cujas peças não servem mais… E claro que ajudei a enriquecer Renner e vendedoras como a Rejane, que traz modelitos pra nós aqui na firma! hehehe!

Pra comparar, dois cliques de corpo inteiro – e de roupa, claro! 😀

Cambará do Sul, janeiro de 2009


Tramandaí, abril de 2011

Deu pra ver a diferença?